Algumas dicas que acho legais vou passar pra vocês aqui pra, se acharem bom, usufruir. Serão assuntos diversos, bastam que sejam boas dicas pra gente viver uma vida melhor. Aproveitem!

Você tem certeza de que conhece bem os direitos por lei concedidos a você?

1- Nome deve ser limpo até cinco dias após pagamento da dívida
Uma decisão da 3ª Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) determinou que, depois que o consumidor paga uma dívida atrasada, o nome dele deve ser retirado dos órgãos de proteção ao crédito em no máximo cinco dias. O prazo deve ser contado a partir da data de pagamento;

2- Construtora deve pagar indenização por atraso em obra
Os órgãos de defesa do consumidor entendem que a construtora deve indenizar o consumidor em caso de atraso na entrega do imóvel, diz Maria Inês Dolci, da Proteste. Algumas empresas, ao perceberem que a obra vai atrasar, têm por hábito já oferecer um acordo ao consumidor antecipadamente. O melhor, porém, é procurar orientação para saber se o acordo oferecido é interessante;

3- Bancos devem oferecer serviços gratuitos
O consumidor não é obrigado a contratar um pacote de serviços no banco. Isso porque as instituições financeiras são obrigadas a oferecer uma quantidade mínima de serviços gratuitamente, como o fornecimento do cartão de débito, a realização de até quatro saques e duas transferências por mês e o fornecimento de até dois extratos e dez folhas de cheque mensais;

4- Não existe valor mínimo para compra com cartão
A loja não pode exigir um valor mínimo para o consumidor pagar a compra com cartão. Segundo o Idec e o Procon, se a loja aceita cartão como meio de pagamento, deve aceitá-lo para qualquer valor nas compras à vista. A compra com o cartão de crédito, se não for parcelada, é considerada pagamento à vista. Cobrar mais de quem paga com cartão de crédito fere o inciso V do artigo 39 do CDC (Código de Defesa do Consumidor), que classifica como prática abusiva exigir do consumidor vantagem manifestamente excessiva;

5- Você pode desistir de compras feitas pela internet
Quem faz compras pela internet e pelo telefone pode desistir da operação, seja por qual motivo for, sem custo nenhum, em até sete dias corridos. "A contagem do prazo inicia-se a partir do dia imediatamente posterior à contratação ou recebimento do produto", diz o Procon de São Paulo. A regra está no artigo 49 do CDC. A contagem não é interrompida nos finais de semana ou feriados;

6- Você pode suspender serviços sem custo
O consumidor tem o direito de suspender, uma vez por ano, serviços de TV a cabo, telefone fixo e celular, água e luz sem custo. No caso do telefone e da TV, a suspensão pode ser por até 120 dias; no caso da luz e da água, não existe prazo máximo, mas depois o cliente precisará pagar pela religação, diz Maria Inês Dolci, da Proteste;

7- Cobrança indevida deve ser devolvida em dobro
Quem é alvo de alguma cobrança indevida pode exigir que o valor pago a mais seja devolvido em dobro e corrigido. A regra consta do artigo 42 do CDC. Se a conta de telefone foi de R$ 150, por exemplo, mas o cliente percebeu que o correto seriam R$ 100, ele tem direito de receber de volta não só os R$ 50 pagos a mais, e sim R$ 100 (o dobro) corrigidos;

8- Você não precisa contratar seguro de cartão de crédito
As administradoras de cartão de crédito sempre tentam oferecer aos clientes seguros que protegem o consumidor contra perda e roubo. Órgãos de defesa do consumidor entendem, porém, que se o cartão for furtado e o cliente fizer o bloqueio, qualquer compra feita a partir dali será de responsabilidade da administradora, mesmo que ele não tenha o seguro;

9- Quem compra imóvel não precisa contratar assessoria
Quando vai adquirir um imóvel na planta, o consumidor costuma ser cobrado pelo Sati (Serviço de Assessoria Técnico Imobiliária), uma assistência dada por advogados indicados pela imobiliária. Esta cobrança não é ilegal, mas também não é obrigatória. O contrato pode ser fechado mesmo sem a contratação da assessoria;

10- Passagens de ônibus têm validade de um ano
As passagens de ônibus, mesmo com data e horário marcados, têm validade de um ano, de acordo com a da Lei nº 11.975, de 7/6/2009. Caso não consiga fazer a viagem na data marcada, o passageiro deve comunicar a empresa com até três horas de antecedência. Depois, poderá usar o bilhete em outra viagem, sem custos adicionais (mesmo se houver aumento de tarifa);

11- Se o consumidor desistir de um curso, tem direito a receber o valor das mensalidades pagas antecipadamente
Se houver desistência, as parcelas pagas referentes aos meses que não serão cursados deverão ser devolvidas. Porém, não há a obrigação do curso devolver o valor pago pelo material didático. O Idec considera abusiva qualquer cláusula contratual que estabeleça a não devolução do valor pago. No entanto, a escola pode cobrar multa, desde que isso esteja previsto no contrato, e que o valor fixado não seja abusivo. Por lei, o limite para multa com cancelamento de contrato é de 10%;

12- Doador de sangue tem direito a meia entrada
Doadores de sangue registrados em hemocentro e bancos de sangue de hospitais dos estados Paraná (Lei Estadual 13.964/2002), Espírito Santo (Lei Estadual 7.737/2004) e Mato Grosso do Sul (Lei Estadual nº 3.844/2010) têm direito à meia-entrada, pagando assim a metade do valor estipulado ao público geral para o ingresso a espetáculos culturais, eventos esportivos, cinemas, exposições, entre outros;

13- Toda loja deve expor preços e informações dos produtos
Artigo 6, parágrafo terceiro do CDC: a informação adequada e clara sobre os diferentes produtos e serviços, com especificação correta de quantidade, características, composição, qualidade, tributos incidentes e preço, bem como sobre os riscos que apresentem;

14- Se a ligação do celular for interrompida, você pode repeti-la em até 120 segundos
Resolução nº 604, de 27 de novembro de 2012, aprova alteração no Regulamento do Serviço Móvel Pessoal (SMP) para que chamadas sucessivas feitas de celular para um mesmo número sejam consideradas uma única ligação para efeitos de tarifação. Para serem consideradas sucessivas, as chamadas deverão ser refeitas no intervalo máximo de 120 segundos entre os mesmos números de origem e de destino;

15- O fornecedor deve responder por defeitos de fabricação – até mesmo fora do período de garantia
Segundo o CDC, os fornecedores respondem pelos defeitos de qualidade ou quantidade que tornem produtos inadequados ao consumo ou diminuam seu valor. E não adianta dizer que não sabia de nada: o fato do fornecedor desconhecer o erro não o exime da responsabilidade. Tampouco é possível escapar da obrigação por meio de cláusulas em letrinhas miúdas – a lei proíbe que o contrato atenue ou exonere o fornecedor de responder pelo problema. Quando se tratam de problemas aparentes (ou facilmente perceptíveis) em serviços ou produtos não duráveis, o consumidor tem até 30 dias para fazer sua reclamação. No caso dos duráveis, esse prazo é de até 90 dias.
A situação se torna mais polêmica quando se trata dos chamados “vícios ocultos”, ou seja, defeitos que não são facilmente identificados e podem demorar anos para se manifestarem. A lei deixa claro que o consumidor tem direito à reparação de falha oculta até o fim da vida útil do produto e não apenas durante o período de garantia. O prazo para reclamação começa a contar a partir do momento em que o defeito de fabricação foi notado;

16- Em nenhuma hipótese o cliente pode ser forçado ao pagamento de multa por perda de comanda
Essa prática é ilegal e o consumidor deve pagar apenas o valor daquilo que consumiu. É importante salientar que o controle do consumo realizado nesses estabelecimentos é de inteira responsabilidade do próprio estabelecimento, não dos clientes.
Portanto, além da comanda entregue ao consumidor, é necessário que o recinto mantenha outro tipo de controle do consumo como um sistema informatizado de cartões magnéticos. Essa obrigação não pode ser transferida ao consumidor, logo, se o estabelecimento não possui essa segunda alternativa de controle, não pode impor ao consumidor qualquer taxa ou multa pela perda da comanda;

17- Taxa de 10% não é obrigatória
A taxa de 10 % ou a gorjeta do garçom é uma forma que muitos estabelecimentos utilizam para bonificar o profissional pela atenção dada e pelo serviço bem prestado. É uma liberalidade, ou seja o consumidor pode optar por pagar ou não.
Essa taxa deve ser informada prévia e adequadamente, com o devido valor discriminado na conta e a indicação de que a cobrança é opcional ao cliente. Contudo, é prática usual os recintos comercias não informarem sobre a taxa, e até mesmo informarem que o pagamento é obrigatório;

18- Consumação mínima é uma prática abusiva
Infelizmente a cobrança da chamada “consumação mínima” é uma prática corriqueira. Mas isso não a torna lícita, pelo contrário, configura-se uma prática abusiva.
Segundo o CDC, em seu artigo 39, inciso I, é vedado o fornecimento de produto ou serviço condicionado à compra de outro produto ou serviço, o que normalmente é chamada venda casada. Nestes termos, é abusivo e ilegal um estabelecimento obrigar a alguém consumir, seja em bebida ou em comida, um valor mínimo, exigido previamente como condição de entrada/permanência no estabelecimento, ou então, exigir o pagamento mesmo sem ter consumido qualquer produto;

19- Todos nós temos os seguintes direitos, sem precisar pagar nenhum dinheiro por eles:
a. de fazer um pedido ao juiz, ao governador, ao prefeito, ao deputado, ao vereador, ou a qualquer tipo de autoridade, para defender nossos direitos ou para ir contra bandalheiras ou contra abusos de quem tem poder;
b. de retirar certidões em repartições públicas, para a defesa de direitos e esclarecimento de situações de interesse de cada um;

20- Sua opinião não confere o direito de agressão por parte de um terceiro
Ninguém pode ser molestado por suas opiniões, incluindo opiniões religiosas, desde que sua manifestação não perturbe a ordem pública estabelecida pela lei.

Cada um de nós tem o direito de viver, de ser livre, de ter sua casa, de ser respeitado como pessoa, de não ter medo, de não ser discriminado por causa de seu sexo, de sua cor, de sua idade, de seu trabalho, da cidade de onde veio, da situação financeira.

http://www.consumidormoderno.com.br/index.php/component/k2/item/28785-20-direitos-que-os-consumidores-tem-mas-nao-sabem

Você sabe garantir vida longa para a bateria do seu celular?

Você já se viu na rua, precisou ligar pra alguém e viu que a bateria do seu celular estava por um fio? 15%, 10% e de repente, 1%... Quando percebeu, seu telefone desligou por falta de bateria. O que fazer para economizá-la? Aí vão algumas dicas de especialistas.

1 Vá em “Configurações” e desligue as funções Bluetooth, Wi-Fi e GPS se não as estiver usando.

2 Reduza o brilho da tela do telefone ao nível mínimo utilizável. Ou configure-o para ajustar-se automaticamente à luz ambiente.

3 Adote um fundo escuro, em vez de fotos, como papel de parede.

4 Desligue o alerta vibratório e reduza o volume do toque.

5 Mantenha o telefone em ambientes ventilados – não o deixe em contato direto com a luz do sol ou dentro de um carro quente.

6 Livre-se de todos os aplicativos que não esteja usando – mantê-los em execução em segundo plano consome a bateria do celular.

7 Muitos telefones vêm equipados com um aplicativo de gerenciamento de energia que otimiza o uso da bateria – ative-o.

8 Desligue o celular ou configure-o para o “Modo Avião” (ou “Modo Off-line”) se estiver numa área sem sinal. Caso contrário, o telefone ficará tentando se conectar a uma rede, consumindo energia. (Mas lembre-se de que o “Modo Avião” bloqueia chamadas, mensagens e rede de dados e desliga recursos de conectividade, como Bluetooth e Wi-Fi. Portanto, se quer poupar a bateria do celular, mas precisa realizar ligações, desligue apenas a rede de dados móveis.)

9 Se não utilizar o pacote de dados, mude a conexão de 3G para 2G (GSM). A tecnologia 3G é essencial para uma transmissão de dados mais rápida, mas a 2G é básica e consome menos energia.

10 Compre uma bateria externa. Encontram-se disponíveis para muitos telefones na forma de um estojo queadiciona horas à vida da bateria, embora ao custo de volume e peso extras.

http://blog.selecoes.com.br/10-dicas-para-prolongar-a-vida-da-bateria-do-celular/?utm_source=newsletter&utm_medium=email&utm_campaign=maissimples220115

Você sabe como resfriar rapidamente uma garrafa de água ou qualquer outra bebida?

De posse da garrafa, molhe uma folha de papel toalha e envolva a garrafa. Coloque-a no congelador por 15 minutos. Retire-a e veja como está gelada de forma rápida. Pra quando acabar a água na geladeira é uma boa neste verão de 50º no Rio de Janeiro. Muito útil!

Como programar suas férias?

• 1º lugar: Que local você gosta de visitar?

Bom, pra começar, é importante saber qual tipo de local você mais gosta, se montanha, praia, campo, serra, frio, calor, etc. Escolhido o tipo de local, escolha o lugar aonde quer ir conhecer ou revisitar... Pra isso pesquise pela Internet locais ao seu gosto e devidamente proporcionais ao seu bolso. Não esqueça que dívidas não valem à pena pois na volta terão que ser pagas... até as feitas no cartão de crédito. Economize, planeje e faça o máximo que puder com antecedência. Nada deve sair errado!

• 2º lugar: Como chegar lá?

Outro ponto importantíssimo é planejar como chegar ao destino planejado para suas férias ou passeio programado. Já fez reserva em hotel, pousada, etc? Já comprou as passagens? Vai de ônibus, avião, carro, a pé, de bicicleta? Não esqueça que fazer os procedimentos da viagem com antecedência faz toda a diferença pois além de economizar na moeda, pode conseguir preços melhores ou parcelamentos se fizer reservas com antecedência. Portanto, se precisar de meio de transporte (seja qual for) trate de verificar qual o preço da passagem, data e horário mais propícios para a sua viagem começar e terminar muito bem, cheia de fotos, saudades, histórias e vontade de voltar lá...

• 3º lugar: O que levar na bagagem?

Fazer a mala é uma coisa fundamental pois dela dependerá nos dias de viagem e se esquecer algo importante, terá que comprar no meio da viagem ou ficar sem. O que devemos colocar dentro da mala? O essencial, o imprescindível é o que interessa levar.

Coisas que não podem faltar de jeito nenhum na mala é escova de dentes, pente, pasta de dentes, calcinhas, cuecas, algumas mudas de roupas (isto varia de acordo com o número de dias que vai viajar), xampu, sabonete, óculos de sol, celular, computador (se tiver tempo pra usar, talvez baixar todas as fotos da viagem para tirar mais algumas dúzias ou centenas), máquina fotográfica, pilhas recarregáveis de preferência, cabos de celular, cabos para o computador, uma roupa de frio pelo menos para prevenir qualquer imprevisto no tempo, um par de sapatos social, um par de chinelos e um par de tênis se for fazer caminhadas na natureza. Outras roupas fundamentais para quem vai se divertir na viagem são roupas de banho; maiô, biquíni, sunga e toalha de praia.

Aquele que tem que tomar remédio continuamente ou para uma eventual dor de cabeça, estômago ou para enjoo não deve esquecer de colocar na sua maleta de primeiros socorros. Ah, curativos e algodão para emergências também são bem-vindos.

Livros, rádio, MP3 player ou jogos são importantes para quando se está cansado de tanto passear e se quer relaxar. Não esqueça que sempre é bom levar algo familiar para a sua viagem e poder relembrar sua terra natal.

Há os que indicam levar coisas típicas de sua terra, caso você decida por umas férias internacionais ou em outro estado do seu país. As culturas regionais são, muitas vezes, diferentes e por conta disso vale levar algumas coisas que você não abre mão. Uma garrafa de pimenta, de azeite ou um adoçante que você está acostumado a usar é bom para não sentir muita diferença no paladar durante a sua viagem ou poder relembrar um pouco de sua terra natal quando cansar de tanta novidade.

• 4º lugar: Já verificou se está tudo certo?

Cinco minutos antes de sair para começar a viagem verifique se está tudo certo, tudo nos conformes. Não pode faltar passagens, malas, dinheiro/cartões, chegar com antecedência ao lugar do transporte para a viagem, documentos, bolsas de mão, passaportes se for o caso, chaves de casa. Checar, antes de sair pra viajar, se a sua casa está com tudo desligado, luz, portas fechadas, cachorros/gatos alimentados, alarmes ligados, etc.

• 5º lugar: Quanto vai poder gastar lá?

Não esqueça de fazer uma prévia economia para poder gastar na viagem pois sempre se faz compras para você, sua família, lembranças também para os amigos, alimentação na estrada, no restaurante, shopping, passeios, etc. Não esqueça que cartão de crédito é bom mas tem que pagar a fatura no mês seguinte. Use-o somente em último caso e quando for de extrema necessidade.

Vera Lúcia Figueiredo

FARINHA DE TRIGO EVITA QUEIMADURAS

Uma vez eu estava cozinhando milho verde e quando coloquei o garfo na água fervendo para ver se o milho estava pronto, sem querer, acabei queimando a mão toda com água fervendo....

Um amigo meu que era veterano de guerra no Vietnam, estava lá em casa e ele me perguntou se eu tinha e onde estava a farinha de trigo..

Eu mostrei a ele, que tirou o pacote e enfiou minha mão inteira dentro e disse pra eu conservar a mão na farinha por 10 minutos, o que eu fiz.
Diz ele que, no Vietnam, um camarada estava incendiado e, no pânico, os camaradas jogaram um saco de farinha nele todo, o que apagou o fogo, isto não só apagou o fogo, mas ele não teve nem sequer um bolha!!!!

Encurtando a estória, eu pus minha mão no saco de farinha por dez minutos, e quando a retirei não tinha nem uma mancha vermelha nem bolha e NEM DOR ALGUMA!!!
Agora, eu mantenho um pacote de farinha de trigo na geladeira e toda vez que me queimo eu uso a farinha e NUNCA tive uma bolha nem cicatriz nem nada. A farinha gelada é melhor ainda do que a com temperatura ambiente.

Mantenha um saco de farinha de trigo na sua geladeira, você ficará feliz de assim ter feito, eu que o diga.

Experimente e verá que é verdade.

Lembre de pôr a parte queimada diretamente na farinha, não enxague em água fria primeiro. DIRETO NA FARINHA POR DEZ MINUTOS E VOCÊ EXPERIMENTARÁ ESTE MILAGRE.

Fundação UCS - Hospital Geral de Caxias do Sul
(54)3218-7257

Lucia Maria

Como tirar mancha de roupas?

É muito chato quando manchamos uma peça de roupa que gostamos muito e ficamos sem saber como limpar, e caso não seja tomado uma medida no momento em que manchou, a mancha pode não sair nunca mais. Se você precisa aprender a cuidar melhor das suas peças de roupas, vejam algumas dicas sobre como remover manchas de peças de roupas.

Como tirar mancha de roupas claras

Para conseguir tirar mancha de roupas claras o primeiro passo é observar o tipo de mancha que a sua roupa tem, pois caso você tenha uma mancha que seja graxa, mofo, vinho, sangue, chiclete grudado, suor ou ferrugem, para cada tipo de mancha existe um procedimento mais adequado.

Mancha de gordura

Caso a mancha seja de gordura o primeiro passo é utilizar um sabonete branco na hora para remover, ou primeiro passar talco em pó sobre a mancha e aguardar que ela absorva a gordura e na sequência lavar a peça.

Mancha de suor

Se a peça estiver com suor e ficar com manchas amareladas, retire a mancha com sumo de limão.

Mancha de vinho

Para roupas manchadas de vinho, o ideal é adicionar água morna sobre a mancha imediatamente.

Mancha de sangue

Para tirar mancha de sangue pode ser utilizada água oxigenada de dez volumes que a mancha sai rapidamente.

Mancha de mofo

Para manchas de mofo, coloque sabão ou detergente e deixe a peça no sol para ajudar a clarear.

Como retirar chiclete de roupa

Se a sua roupa estiver com chiclete grudado o ideal é passar gelo sobre o chiclete para endurecer e conseguir remover.

Tabela Tira Manchas

A Escola SENAI Francisco Matarazzo, a segunda maior instituição de formação em Química Têxtil do país (ficando atrás da Faculdade SENAI CETIQT, do Rio de Janeiro), elaborou através de seus estudos técnicos, pesquisas, experiências e conhecimento de seu corpo de profissionais, uma tabela que auxilia na eliminação ou redução dos principais tipos de manchas que afetam os tecidos que compõem uma peça de vestuário. Verifique as dicas abaixo. Não se esqueça de verificar as recomendações ao final do texto.

Vinho
1 colher de sabão em pó
1/2 copo de água
5 colheres de limpeza pesada
5 colheres de água sanitária
Esmalte
3 colheres de removedor de esmalte
3 colheres de thiner
detergente incolor (lava louça)
Derivados de tomate e frutas
1 colher de sabão em pó
1/2 copo de água
1 colher de lustra móveis
2 colheres de água sanitária
     

Ferrugem
3 colheres de vinagre
3 colheres de suco de limão
1 colher de detergente incolor (lava louças)

Tinta de caneta
3 colheres de lustra móveis
1 e 1/2 colher de removedor
1 colher de detergente incolor (lava louças)
Chocolate e Manga
1 colher de sabão em pó
1/2 copo de água
3 colheres de água oxigenada 30 vol.
     
Batom
3 colheres de limpeza pesada
1 colher de removedor
1 colher de lustra móveis
1 colher de vinagre
1 copo de água
Batom de intensa fixação
3 colheres de removedor de esmalte
3 colheres de thiner
detergente incolor (lava louça)
Beterraba
1 colher de sabão em pó
1/2 copo de água
3 colheres de água oxigenada 30 vol.
1 colher de lustra móveis
     
Óleo
1 colher de lustra móveis
1/2 colher de detergente incolor (lava louças)
Mato
Limpa vidros
Barro
1 colher de limpa vidros
1 colher de limpeza pesada
1/2 colher de lustra móveis
     
Sangue recente
Soro fisiológico
Sangue
1 colher de água oxigenada 30 vol.
1 colher de limpeza pesada
Café
1 colher de limpeza pesada
1 colher de limpa vidros
1 colher água sanitária
     
Graxa
1 colher de sabão em pó
1 colher de limpeza pesada
1 colher de lustra móveis
   

 

OBS: Devido a diversas fibras têxteis e das diversas classes de corantes existentes no mercado, as receitas aqui apresentadas são apenas sugestivas, antes de aplicá-las deve-se fazer um pequeno teste em partes escondidas da peça para verificar se não haverá desbotamento ou até mesmo danos nas mesmas.

Jane Figueiredo Mendonça

Chá da beleza (ervas que ajudam a manter a beleza)

Capim-limão, erva-cidreira, verbena e pimenta chinesa – quem quer ficar mais bonita tem de conhecer as quatro ervas da beleza, que a gente conhece mais como chás, mas que estão presentes em muitas formulações cosméticas. São plantas diferentes, com excelentes efeitos para o bem-estar e a estética. Vale a pena adotá-las!
Para os especialistas, não há mistérios. Um rápido olhar, sentir de leve o aroma e eles já conseguem distinguir essas quatro ervas. Para nós, leigos, a coisa é mais complicada e é fácil confundi-las, já que elas têm grande semelhança aromática e suas folhas não são lá tão diferentes. Sem dizer que, quando caem na boca do povo, vão ganhando outros nomes que, muitas vezes, mudam de região para região do país, tornando a identificação ainda mais difícil. Extremamente bem-vindas na formulação de cosméticos, em comum elas têm o efeito relaxante, mas, afora isso, é importante identificá-las, porque cada qual tem suas aplicações. Para ajudar você a escolher a erva certa, conversamos com fitoterapeutas que apontam quais são indicadas para o seu caso.

Capim-limão

Capim-cheiroso, capim-cidreira, capim-santo, grama-cidreira e patchuli falso são as denominações populares para a cymbopogon citratus. “Essa planta é muito apreciada por seus efeitos analgésicos, antissépticos e antifúngicos”, conta a fitoterapeuta e especialista em beleza e ayurveda Ma Prem Ila, do Rio de Janeiro. “O capim-limão também é anti-inflamatório e cicatrizante”, acrescenta a fitoterapeuta e nutricionista Vanderlí F. Marchiori, de São Paulo. Graças a esses princípios, é empregado no tratamento da acne na forma de cosméticos ou de compressas feitas com o chá. “Além disso, ele é antidepressivo, relaxante e calmante e ajuda a combater o ressecamento da pele”, complementa a fitoterapeuta Lalitha Vaidya, da Clínica Fisio Spaço, no Rio de Janeiro. Por isso, seu óleo essencial é muito usado na água de banhos e na fabricação de produtos para higiene. Ma Prem Ila recomenda o uso em massagens, pois ele deixa a pessoa mais relaxada, restabelecida e com a pele fresca e jovial, desaconselhando-o apenas para quem tem pressão baixa.

Erva-cidreira

Melissa officinalis é o nome científico. Mas a erva ficou mais conhecida como alecrim-do-campo, cidreira-capim, salva-limão, cidreira-melissa, melissa-verdadeira, camará e capitão-do-mato. Tem ação anti-inflamatória e cicatrizante e por isso é indicada no combate às espinhas e no tratamento da celulite e da gordura localizada, como ensina Lalitha Morais Vaidya. Quem vive estressado também pode se beneficiar com produtos que levam a erva na sua formulação, principalmente no final do dia, pois ela ajuda a desligar das preocupações, fazendo com que a pessoa relaxe e durma bem. “Além disso, ajuda a combater dores de cabeça”, acrescenta Lalitha. “Também dá vigor à pele cansada e ajuda a diminuir o excesso de oleosidade”, diz Ma Prem Ila. Extremamente cheirosa, perfuma banhos de cheiro, impregnando a pele com doce perfume. Sua única contraindicação, assim como no caso do capim-limão, é para quem sofre de pressão baixa.

Verbena

Calmante e afrodisíaca, a verbena officinalis, popularmente chamada de erva-de-ferro, gervão, planta-da-sorte e erva-defígado, entra na formulação de produtos de beleza, como sabonetes e loções hidratantes, já que é ótima para higienizar e amaciar a pele. Extremamente refrescante, é bemvinda nos dias de calor. “Suas folhas secas são muito usadas na fabricação de esfoliantes, principalmente para o rosto”, conta Ma Prem Ila. Pelo aroma, ela entrou na formulação de perfumes e colônias e se tornou querida dos aromaterapeutas. Xampus à base dessa planta são indicados para quem tem cabelos oleosos. Geralmente, ela não tem contraindicações, mas Vanderlí Marchiori desaconselha o uso para grávidas ou mulheres que estejam amamentando.

Pimenta chinesa

Veio da China a erva May Chang. O óleo extraído dessa plantinha tem propriedades relaxantes, proporcionando intenso bem-estar. Apesar do nome, é refrescante, perfeita para o tempo do calor. Analgésica, funciona como auxiliar no tratamento de dores musculares. Antisséptica, livra o corpo das impurezas, o que a torna ideal para o tratamento de pele oleosa. Tudo isso e mais um delicioso aroma cítrico, muitas vezes confundido com limão ou verbena.

Thais Szegö

Repelente caseiro dos Pescadores

Ingredientes:

1/2 litro de álcool;
1 pacote de cravo da Índia (10 g);
1 vidro de óleo de bebê (100ml)

Deixe o cravo curtindo no álcool uns 4 dias agitando, cedo e de tarde.

Depois coloque o óleo corporal (QUALQUER, pode ser os para bebê ou os de amêndoas, camomila,  erva-doce, aloe vera).

Passe só uma gota no braço e pernas e o mosquito foge do cômodo. O cravo espanta formigas da cozinha e dos eletrônicos, espanta as pulgas dos animais.

O repelente evita que o mosquito sugue o sangue, assim, ele não consegue maturar os ovos e atrapalha a postura, vai diminuindo a proliferação. A comunidade toda tem de usar, como num mutirão. Não forneça sangue para o aedes aegypti!

Ioshiko Nobukuni

Como tirar a gordura de certos alimentos...

O uso da laranja em alimentos gordurosos faz com que a gordura se concentre na laranja e, portanto, deixe a comida light, sem malefícios à saúde. Elimine a gordura dos alimentos.


Preparando linguiça (carne seca, carne de sol):

Ferva a água, coloque uma laranja na panela e depois a linguiça (fure com o garfo).  Em cinco 5 minutos a gordura está toda dentro da laranja!

Frite a linguiça e veja como está deliciosa... e a panela sem gordura.

Preparando uma feijoada:

Coloque na panela uma laranja inteira, sem descascar (lavada sim!) junto com as carnes.

Realmente funciona, a gordura fica toda dentro da laranja, basta cortá-la para ter a confirmação.

A laranja não modifica em nada o gosto da feijoada que fica super light!

E isso pode ser feito com qualquer alimento gorduroso. 

Como recuperar um celular que foi molhado?

Deixar cair o celular na privada é mais comum do que se imagina. Tenho alguns amigos que já passaram por isso e acabaram por descartar o aparelho. Óculos cair no vaso também acontece...

BOA DICA PARA SEU CELULAR...

... não precisa ter caído em vaso sanitário, mas ter molhado em outras circunstâncias...

  1. Basta pegar o aparelho molhado, secar com um panoretirar a bateria e colocá-lo em um recipiente cheio de arroz cru.

  2. Não use secador de cabelo no celular. Assistências técnicas aconselham evitá-lo, já que o ar quente pode danificar os componentes do telefone.

  3. "O arroz tem essa propriedade de absorver água porque é rico em amido, que possui uma forte afinidade elétrica com as moléculas de água e acaba as atraindo", afirma Maria Cristina dos Santos, professora do Instituto de Física da USP.

Ah... o arroz você joga fora, OK?

Nilsa Vasconcellos

Algumas soluções naturais para probleminhas caseiros...

O alecrim é a salvação pra quem tem animais de estimação e não quer ou não pode usar produtos como aquelas coleiras anti-pulgas (vou falar delas aqui em outra postagem). Basta então ferver 1 litro de água com duas colheres de sopa de alecrim e, depois de lavar seus bichinhos, espalhar essa infusão sobre os pêlos secos deles. Mas cuidado com a temperatura da água!

Para evitar traças sem ter que usar naftalina que é muito tóxica, utilize cânfora que pode ser encontrada também em bolinhas. A cânfora é natural e muito menos intoxicante. Mesmo assim, é importante manter as crianças longe do produto.

Pintou um cômodo da casa e o cheiro está incomodando? Pra que o cheiro desapareça rápido, pegue uma bacia com água e ponha dentro cebolas cortadas em rodelas ou folhas de laranjeira, deixando-a naquele ambiente:

Se você costuma ser incomodada, como eu, por moscas e mosquitos em casa e tem facilidade de conseguir folhas de eucalipto, de louro e de manjericão, use algumas dessas folhas maceradas em água para deixar no ambiente de onde quer espantar esses chatos voadores.

Andréa Farraia